segunda-feira, 11 de outubro de 2010

O professor

No meio da aula de Introdução as Técnicas Administrativas e Gestão de Pequenos Empreendimentos I, ele levantou.
A turma estava posta em círculo, discutindo um grande pensador da área cuja obra não se entendia um parágrafo, quando ele levantou.
Não só levantou como avançou, deu seis passos em linha reta.
Do barulho de antes, restou o silêncio.
Curvou o corpo e sua língua abriu com força a boca de Fernandinha.
Deitado na cama do hospital, três dias depois, ele explicava para seus amigos que não conseguira se controlar, aqueles lábios, aqueles peitos pulando pra fora da blusa, os olhos verdes e grandes, tudo o hipnotizara.
No fim foi processado por abuso sexual e processou Carlos por tentativa de assassinato. Carlos, o namorado de Fernandinha, professor de Técnicas Administrativas e Gestão de Pequenos Empreendimentos I.

Um comentário:

MiLa disse...

hehe... boa!
Quase uma tragédia!